Segundo dia do retiro é marcado pelo convite a buscar a misericóridia de Deus, por meio do sacramento da penitência!

Iniciamos o dia com a exposição do Santíssimo Sacramento e oração das Laudes na capela. Após o café tivemos a primeira colocação do dia com o tema “a vocação dos Doze e a nossa vocação” à luz de Mateus 9,35 / 10,10. 

Jesus chama seus discípulos e os envia para libertar as pessoas dos espíritos impuros, curar as doenças, ressuscitar os mortos e purificar os leprosos. Somos também chamados e enviados por Jesus para colaborarmos no anúncio do Reino de Deus. O retiro é uma ocasião para revermos as etapas de nossa vocação e com autenticidade e fidelidade renovar nosso seguimento do Senhor dentro do carisma franciscano.

Dom Paulo Beloto convidou-nos à um exame de consciência e aproveitarmos o retiro para nos encontrarmos com a misericórdia de Deus pelo sacramento da confissão. Às quinze horas nos reunimos na capela para a oração da Hora Média,  depois prosseguimos com uma reflexão sobre a importância da oração e da Eucaristia na vida do consagrado.

Às dezoito horas celebramos a missa com partilha sobre a nossa vivência eucarística.  Depois do jantar, encerramos o dia rezando a Coroa Franciscana das Alegrias de Nossa Senhora.

Paz e Bem!

Frei Joaquim Camilo Alves, OFM

Últimas Notícias

Frei Lucas Lisi: “A vocação do sacerdote é amar! Ame, ame e ame sempre!”

Frei Luís Fernando: “Lembre-se de sempre viver a profunda experiência de entrega ao Cristo pobre e crucificado!”

Os franciscanos chegam em Capinópolis/MG para Tríduo e Ordenação Presbiteral de Frei José Aécio, OFM

Em novembro, Papa pede que avanços da inteligência artificial sejam “humanos”

Aconteceu em Franca/SP, o último Encontro Vocacional Franciscano deste ano

Solenidade de todos os Santos e Santas: “Santos, filhos e filhas de Deus, fiéis ao mandato do amor!”